Base Curricular: texto pouco detalhado pode atrapalhar implementação, dizem especialistas

 

JC Notícias – 06/12/2018

Base Curricular: texto pouco detalhado pode atrapalhar implementação, dizem especialistas

Documento, aprovado pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), ainda será homologado por ministro da Educação

Aprovada nesta terça-feira, a Base Nacional Curricular Comum (BNCC) do ensino médio terá um longo caminho até ser aplicada nas salas de aula brasileiras. O texto traz somente as habilidades e competências que os estudantes devem atingir ao final do segmento e deixa a critério das redes escolares a distribuição desses saberes.

Na formatação do novo ensino médio, a BNCC será responsável por 60% da carga horária. Os outros 40% serão de itinerários definidos pelos estudantes que poderão escolher se especializar em cinco áreas: Linguagens, Matemática, Ciências da Natureza, Ciências Humanas e Ensino Técnico e Profissional. O documento não traz como os colégios devem planejar esta parte do segmento. Ainda cabe ao ministro da Educação, Rossieli Soares, a homologação do texto e ele já se mostrou elogioso à iniciativa.

Veja o texto na íntegra: O Globo

O Globo não autoriza a reprodução do seu conteúdo na íntegra para quem não é assinante. No entanto, é possível fazer um cadastro rápido que dá direito a um determinado número de acessos.

Leia também:

Jornal da Ciência – CNE aprova BNCC do ensino médio

G1 – Aprovação da Base Curricular do ensino médio leva desafio a estados; veja análise de nove especialistas